Relacionamento em Crise: Acabar ou Ajustar? [11 Ajustes]

Calma, calma! Sei que pode parecer a pior coisa do mundo, mas garanto que você irá superar essa fase do seu relacionamento em crise.
Calma, calma! Sei que pode parecer a pior coisa do mundo, mas garanto que você irá superar essa fase do seu relacionamento em crise.

Vai ficar tudo bem, eu prometo.

Neste artigo eu criei um compilado dos 11 Ajustes mais comprovados para você tirar seu relacionamento da crise e voltar à paixão que você merece.

Você vai encontrar ajustes bem pontuais para problemas específicos. Vou precisar da sua colaboração para que eu possa te ajudar. Sei que pode parecer um pedido com más intenções, mas…

você precisa dar play na Marília Mendonça agora!

É sério. Aqui embaixo tem um vídeo dela que servirá para você entender melhor todo o artigo e tudo isso que você está sentindo.

Confia em mim que garanto que valerá à pena passar por isso. Sei que é como um toboágua de sentimentos acontecendo em você.

Espero e acredito que você terá uma incrível leitura e desejo o melhor para seu relacionamento em crise!

Dê play agora e continue lendo!

Marília Mendonça - Hoje Somos Só Metade - Vídeo Oficial do DVD
Watch this video on YouTube.

#1. Pare Tudo no Relacionamento em Crise!

Sabe algo que não dói? Uma dor que aumenta aos poucos.

Não imagino o porque você está pesquisando sobre relacionamento em crise mas você concorda comigo que isso não ocorreu da noite pro dia?

Na verdade, todo relacionamento em crise é construído devagar ao longo das semanas e meses. Um incômodo aqui, uma dor ali, uma decepção acolá. E, de repente, você tem um completo e bastante nocivo relacionamento.

Você está pronto para isso?

Quando você, finalmente, lá dentro da sua mente, gritar “Socorro, meu relacionamento está em crise!”, então é hora de parar tudo.

Não adianta ir devagar e não adianta tentar ignorar.

O que estava escondido precisa ser totalmente descoberto e analisado. Sei que é chato, mas quando digo para você parar seu relacionamento em crise, quero dizer para você abrir o diálogo.

Depois que fica em crise, é um passo para o término.

Então, se você se comprometer a abrir o diálogo com seu parceiro para entender melhor os motivos individuais de cada um, tenho certeza que tudo ficará bem.

No entanto, entenda que não é uma decisão fácil. É como descer em um toboágua de um parque aquático. Depois de entrar no tubo, tudo que você pode fazer é esperar o frio na barriga e o incômodo passarem até que tudo acabe bem.

Mas você precisará parar e analisar. Precisa decidir passar por esse incômodo.

E, às vezes, o incômodo é o velho ciúmes…

#2. Tem Ciúmes?

Ciúmes é uma forma bem simples de destruir seu relacionamento. Pior ainda: de destruir a si mesma de dentro pra fora.
Ciúmes é uma forma bem simples de destruir seu relacionamento. Pior ainda: de destruir a si mesma de dentro pra fora.

Basta juntar algumas peças incompletas de um quebra-cabeças incompleto e você tem uma imagem incompleta da realidade.

Em outras palavras, os ciúmes são apenas uma manifestação da sua própria insegurança.

Às vezes você cria um cenário irreal e acaba jogando no outro a culpa de algo que não existe. Esse é um dos piores motivos para um relacionamento em crise porque, talvez, o diálogo não consiga resolver uma paranoia.

Se o ciúmes não for interrompido, saiba…

3. Se o Relacionamento Está em Crise, Por Que NÃO Separar?

Em relacionamentos em crise, é bom lembrar do passado.

Como te falei, um relacionamento em crise não surge da noite pro dia, mas é construído.

Se você está num relacionamento que durou uma semana, então é provável que a melhor solução seja a mais simples: acabar. Mas se você quer continuar e o relacionamento já é mais maduro, é importante lembrar dos porquês que vocês estão juntos.

Sentem para conversar e descubram esses motivos.

Quanto mais precisos vocês forem, mais motivos vão lembrar.

Às vezes a rotina mergulha esses motivos tão profundamente que você esquece o quão bom é estar com o outro ali do lado. E, se levou tanto tempo para chegar onde chegaram, é bom que tenham um bom motivo para separar.

4. Por que Separar no Relacionamento em Crise?

Tá bem, mas e se precisar separar, como saber se é certo? É preciso tomar essa decisão com a certeza de não olhar para trás nem ficar se arrependendo.
Tá bem, mas e se precisar separar, como saber se é certo? É preciso tomar essa decisão com a certeza de não olhar para trás nem ficar se arrependendo.

O Ajuste 8 vai te ajudar muito nisso mas, por enquanto, basta pensar no que vai melhorar se vocês separarem.

A individualidade é importante e, se vocês separarem, você terá a sua individualidade de volta.

O que você fará com isso? Será melhor ou pior? Se você combinar a resposta do Ajuste 3 com esse daqui, terá um excelente Norte para seguir.

5. Como Lidar Com o Relacionamento em Crise Sem Sofrer

Okay, você está nesse toboágua descendo rápido…

Como não gritar, chorar nem se desesperar? É simples! Não dá.

Você precisa sofrer para aprender a ter resiliência emocional. Não existe, de fato, uma pílula mágica para isso.

O que posso te recomendar para se prevenir e se fortalecer é entender melhor o que é carência afetiva. Assim você estará muito mais preparada para o que mundo tem a te oferecer.

6. A Crise da Individualidade Dupla

“Não nos conhecemos mais

Não vejo mais em você a pessoa que eu amei demais

O que tava dando certo agora deu errado

Não é que eu queira reviver nosso passado”

“Fomos dois, viramos um, hoje somos só metade”.

Existem dois problemas na individualidade de um casal.

No primeiro deles, a individualidade se mantém soberana. É, simplesmente, impossível penetrar na personalidade do outro e se tornar um “casal”.

Na letra da Marília Mendonça é como se nunca passasse da fase do “fomos dois” e, dessa forma, simplesmente não há benefícios em continuar juntos porque os dois, juntos, continuam sendo as mesmas pessoas.

Depois vem a metade…

Quando ambos mergulham profundamente um no outro e esquecem da própria essência, de repente se tornam apenas metades de uma única laranja.

E aqui tudo começa a ficar desinteressante: perdemos a personalidade e ficamos vazios. É natural perder a paixão por alguém que está vazio.

É algum desses estados que seu relacionamento em crise está? Seja qual for, a próxima lição é importantíssima.

7. Aprenda a Estar no Agora

O Poder do Agora, do Eckhart Tolle ensina sobre resiliência. É poder aproveitar o momento atual e relaxar sobre seu relacionamento em crise.
O Poder do Agora, do Eckhart Tolle ensina sobre resiliência. É poder aproveitar o momento atual e relaxar sobre seu relacionamento em crise.

Por mais que um momento seja doloroso e pareça ser o fim, esse momento apenas se torna doloroso quando você deixa que ele se expanda no passado ou no futuro.

Um momento, e qualquer momento, é apenas o único momento que você poderia estar.

Depois que você atingir o estado de presença completa, como poderá julgar um momento porque algo não aconteceu como você queria?

Aconteceu exatamente da única forma que poderia.

8. Consulte Seus Amigos

Às vezes é importante uma segunda opinião.

Muitos dos seus amigos já tiveram um relacionamento em crise, então a experiência deles pode servir para ajudar você e seu parceiro a ajustar o seu relacionamento em crise.

É algo bem simples que tem um poder enorme: combine com duas ou mais amigas e discuta sua relação com elas pedindo ajuda. Preciso lembrar que devem ser duas ou mais para que você tenha mais de uma opinião.

Mas não tome nada como definitivo.

Por exemplo, se alguém disser “Com certeza ele tá te traindo”, apenas observe sem julgar e, depois, tome suas próprias conclusões.

Lembre-se que, ao pedir opinião, você vai dar às pessoas a chance delas julgarem o seu relacionamento em crise baseado nas experiências delas e seus relacionamentos anteriores ou atuais.

Use a sua e somente a sua opinião como decisão final.

9. Não Ouça Seus Amigos

Você é muito influenciável?

O relacionamento em crise ficou assim por culpa de uma opinião externa?

Tenha bastante cuidado com isso. Preciso repetir neste ajuste 9 algo que falei no anterior: se você deixar a opinião dos seus amigos ser absoluta, então você tomará uma decisão com informação incompleta.

Basta pensar no seguinte: quantas horas você passou ao lado do parceiro e quantas horas seus amigos passaram?

Lembre-se de dialogar primeiro com o parceiro.

10. É Seu Primeiro Relacionamento em Crise?

Relacionamento em Crise? Calma, nós sempre Evoluímos com cada novo relacionamento.
Relacionamento em Crise? Calma, nós sempre Evoluímos com cada novo relacionamento.

Por mais doloroso que seja, se este for seu primeiro relacionamento em crise, é importante perceber que não é o fim do mundo.

Sim, eu sei que você não quer acabar. E não estou dizendo que é isso que vai acontecer. Mas estou dizendo que vai ficar tudo bem.

Pode ser que acabe e ficará tudo bem, você sobreviverá com algumas feridas que irão sarar.

E pode ser que prospere.

As feridas sempre existirão para te deixar mais resiliente emocionalmente do que antes.

Cada novo relacionamento em crise vai reduzir a chance do próximo entrar em crise. Você se tornará cada vez mais madura, resiliente e forte para enfrentar e aproveitar os benefícios e dores que o amor tem a trazer.

11. Evolua, Criatura!

Por fim, esse é um ajuste preventivo.

Muitas pessoas apenas procuram consertar um relacionamento em crise quando já é tarde demais. Espero que esse não seja o seu caso e que você consiga voltar aos trilhos.

Mas que, de toda forma, entenda que você não precisa passar por isso. Que entenda que você tem o poder de ser resiliente, forte e amada com todo o respeito que merece.

Você merece dar um Alô à Evolução.

O objetivo deste blog é garantir que você não precise mais saber da definição de relacionamento em crise, mas que, por outro lado, aprenda a pesquisar sobre relacionamentos Evolutivos.

Já pensou como seria pesquisar como melhorar um relacionamento ao invés de pesquisar como salvar ele?

E é isso que te ofereço.

Basta se inscrever na minha lista de emails e, devagar e sem dor (diferente do toboágua que você está), você conseguirá se desenvolver e Evoluir num patamar que nunca acreditou ser possível.

Basta inserir seus dados abaixo e, em pouco tempo, você não vai mais reconhecer a pessoa que era.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *