fbpx

Conceito e Definição de Pirâmide de Abraham Maslow

A hierarquia de necessidades de Maslow, ou Pirâmide de Maslow, ajuda a compreender as motivações humanas.

O que é uma vida plena?

Abraham Maslow, um famoso psicólogo da linha humanista, percebeu padrões nas motivações e sentimentos dos humanos em seu trabalho. No início, estudou macacos e suas motivações. Depois, aprofundando seus estudos, percebeu que tudo que é válido para os macacos também é, com boa precisão, para os humanos.

Ouça a Versão em Áudio Deste Artigo

A Pirâmide de Maslow é a hierarquia das necessidades humanas.

Ela indica o que precisamos e as consequências de cada necessidade. Isso é tão profundo que qualquer pessoa desse planeta – mesmo com críticas à teoria – acabam respondendo, exatamente, à pirâmide. Na verdade, como meu objetivo é te ajudar com seu autoconhecimento, que tal usar a Pirâmide de Maslow como um teste para saber onde você está?

Basta continuar acompanhando.

Funciona assim: existem cinco níveis na hierarquia das necessidades de Maslow divididas em três tipos de necessidades. As primeiras são as Necessidades Básicas e dizem respeito à forma como nós vivemos, fisiologicamente, na Terra. Ou seja, é mais relacionado a viver e se manter vivo, bem como se propagar (reprodução). A segunda divisão é necessidades Psicológicas.

Aqui entra o indivíduo e seus desejos.

Nas necessidades básicas o indivíduo só pretende se conservar enquanto que, nas psicológicas, o indivíduo passa a considerar suas necessidades sociais e de reconhecimento na sociedade. Por fim, as necessidades de auto realização entram no campo do extremo autoconhecimento e da propagação do bem para outras pessoas.

Você já sabe a importância do autoconhecimento?

A Pirâmide de Maslow tem vários focos e aplicações distintas. A mais utilizada é por equipes de RH e Marketing para poder classificar as pessoas envolvidas. Entendendo bem um grupo, é possível descobrir como saciar as necessidades. A falta de uma necessidade acaba por gerar comportamentos específicos, podendo ser simples insatisfação e reclamação e podendo chegar até a agressões físicas.

Então o entendimento da Pirâmide de Maslow é crucial.

Já imaginou absorver todo o poder que existe em concluir todas as suas necessidades pessoais na Pirâmide de Maslow? Para isso, existe um conceito ainda mais interessante na Pirâmide de Maslow que é de que você precisa preencher um nível completamente antes de ter a necessidade do próximo nível. Algumas observações são interessantes, como o fato da necessidade de sexo existir antes da necessidade de segurança.

E, muitas vezes, as necessidades parecem paradoxais.

Para preencher um nível de forma adequada você precisa, paradoxalmente, preencher o nível superior na Pirâmide de Maslow. No entanto, entendendo com detalhes você consegue perceber que os níveis são, de fato, bastante separados. E, para cada nível que você sobe, sobem também todos os outros níveis anteriores. Um exemplo recente que ilustra bastante isto de alguém que está no nível mais alto é da Greta Thunberg que tem como missão tornar o mundo um lugar mais sustentável.

Dá uma olhada no vídeo abaixo para entender.

Greta Thunber, 15 anos, passa um pito nos líderes mundiais na COP 24
Watch this video on YouTube.

Necessidades Básicas

Necessidades básicas da pirâmide de Maslow.

Na parte mais baixa da pirâmide está a sobrevivência do indivíduo. Isso inclui todos os requisitos necessários para manter o corpo em funcionamento. Aqui existem percepções simples sobre como sobreviver (e só). Na hierarquia de necessidades de Maslow, falhar em atender as necessidades básicas possui repercussões terríveis.

Falhar com uma necessidade é sacrificar a superior.

Ou seja, se você possui necessidades fisiológicas que não são saciadas (como fome, sede ou sexo), então você irá sacrificar o nível de necessidades de Segurança para conseguir o que precisa. Isso significa que você poderá acessar sua maior agressividade ou, simplesmente, se colocar em situações que você considera de risco (como vencer a timidez).

Bizarro, né?

Necessidades Fisiológicas ou Homeostáticas

As primeiras necessidades da Pirâmide de Maslow dizem respeito ao equilíbrio homeostático do corpo humano. Níveis de sal, açúcar, ph, gordura, carboidratos, hormônios e tudo relacionado ao melhor funcionamento fisiológico do corpo humano está contido na hierarquia de Maslow a nível fisiológico. Este nível é, obviamente, o nível principal da pirâmide.

Se você não atender estas necessidades, morrerá.

E é importante notar que nossa sociedade, devido às facilidades de nossa geração, toma esta parte da pirâmide como certa. Comida, para a maior parte das pessoas (mesmo de baixa renda no Brasil) é algo que não falta ao ponto de ameaçar a sobrevivência. E, conforme preenchemos esse nível, outras necessidades aparecem. No caso, depois de ter comida, bebida e sexo, o próximo passo é a segurança.

Segurança

“Não serei morto hoje”

É uma forma ruim de pensar, mas essa frase define bem o segundo nível da Pirâmide de Maslow. Após saciar as necessidades dos níveis fisiológicos, um indivíduo começa a prezar por sua segurança. Vamos começar a pensar numa pessoa. Chamaremos de Leonardo. Na infância, Leonardo trabalha como caixa num supermercado, ganha um salário mínimo e consegue sustentar ele, sua mãe e sua irmã mais nova num bairro extremamente violento. Com muita dificuldade, porém. Tudo que o Leonardo pensa é em receber seu salário para ter o que comer.

Com o tempo, a irmã do Leonardo (Cíntia) cresce.

E começa a trabalhar pensando, exatamente, no mesmo nível de necessidades: fisiológicas. No entanto, conforme a renda dos dois aumenta, eles se mudam para um bairro menos violento e passam a se preocupar mais com sua segurança. Agora que a comida “está garantida”, o próximo nível da Pirâmide de Maslow é o da Segurança. Atender este nível significa perceber que os indivíduos não terão mais medo de morrer ou de terem seu corpo (e sossego) invadidos e violados.

Necessidades Psicológicas

Você é refém do seu círculo social ou tem sua necessidade totalmente saciada?

Vivos e Seguros. Agora sociáveis.

Depois de garantir a própria sobrevivência e segurança, os indivíduos, na Pirâmide de Maslow, procuram contemplar suas necessidades psicológicas. Existe uma necessidade de sexo que também está presente no primeiro nível, mas com uma leve diferença. Além disso, nas necessidades psicológicas é possível pensar em desenvolvimento pessoal, relações profissionais e em autoconhecimento.

É a partir deste nível que o Alô Evolução pode te ajudar.

Necessidades Sociais 

Cintia e Leonardo têm comida em casa.

Isso significa que eles preenchem os dois primeiros níveis da Pirâmide de Maslow. Eles têm comida (nível 1) e abrigo (nível 2). Quando as pessoas atingem os dois primeiros níveis, a tendência natural é fluir e Evoluir para o próximo nível. No caso da hierarquia de necessidades de Maslow, o terceiro nível É o nível das necessidades sociais.

Pode ser saciado somente com primeiro grau.

Isso significa se relacionar com pai, mãe, cônjuge e irmãos. Quando você expande este ciclo, amizades e ciclos sociais começam a se formar. Não preencher este nível significa se sentir incompleto no sentido de pertencimento. Depois de comida e abrigo saciados, os humanos (nós) vão atrás de laços sociais. E lembra que falei noutro momento que sacrificamos o nível superior para conseguir o nível atual?

Na prática, vamos pensar na Cíntia…

A Cíntia, junto com o irmão Leonardo, mantém a casa financeiramente. Em busca de aprovação social e de se enturmar, a Cíntia começa a socializar com o pessoal do bairro. E essa necessidade pode ser tão forte que, mesmo sendo menosprezada e humilhada, ela aceita participar do grupo se o grupo aceitar ela. E te peço até para refletir um pouco sobre suas relações atuais.

Não é incomum participar de grupos só “para pertencer”.

Isso é válido tanto para homens quanto para mulheres. Grupos sociais em que os membros não possuem uma forte conexão individual, mas sim uma conexão grupal de união. Isso pode levar os indivíduos para baixo. E prender eles neste nível. Mas é uma forma de saciar nossa necessidade da Pirâmide de Maslow. E como sair desse ciclo?

Só saciando totalmente. Então vem a próxima necessidade.

Estima

Relacionamentos em crise estão aqui.

Quando saciamos nossa necessidade por pertencer a um grupo, passamos para um nível superior. O quarto nível da Pirâmide de Maslow. Vamos pensar na Cíntia de novo. Se, no nível anterior, ela participava dos grupos sendo humilhada, neste momento ela passa a querer ser reconhecida como indivíduo. Passa a querer ser uma pessoa humana (e não somente uma pessoa social).

Ela vai parar de querer amizades apenas por aceitação.

E isso é válido para homens e mulheres. Muitas de nossas relações amorosas são baseadas em carências afetivas e necessidades de aceitação social. Quando saciamos estas interações sociais, podemos ir para o nível da Estima pessoal na Pirâmide de Maslow. Aqui começamos a procurar parceiros (de trabalho também) que nos aceitem e nos incentivam como somos.

Passamos a ter um instinto de identidade maior.

E percebeu que estranho que é? Novamente, parece paradoxal. A nossa percepção, como indivíduo, somente aparece após a percepção como grupo. Mas cada um desses níveis vai sendo preenchido ao longo da vida, independente da fase que estamos. Uma percepção maior do nível de identidade pode ser visto no vídeo abaixo.

Zygmunt Bauman - Identidade pessoal
Watch this video on YouTube.

Necessidades de Autorrealização

Auto realização é algo alcançado por poucos na pirâmide de Maslow.

A maioria não é auto realizado…

Na verdade, pensando na hierarquia de necessidades de Maslow, a vida das pessoas não é uma corrida ou uma progressão onde todos irão preencher todos os níveis da pirâmide. Se pensarmos na sociedade 100 anos atrás, era comum ter pessoas que morriam por falta de comida. E, nesse caso, as pessoas morriam sem sequer completar o primeiro nível.

Como um todo, a humanidade Evolui.

E, quando a humanidade Evolui, os níveis superiores ficam mais fáceis de serem acessados. Isso significa que você, que está lendo agora, tem um potencial enorme de atingir todas as suas necessidades e se tornar uma pessoa plena e pronta para o mundo e tudo que você pode dar a ele de forma que possa contribuir e se sentir em completa realização do seu objetivo de vida.

“É por este motivo que eu vim ao mundo” PP

É esta frase acima que define bem o quinto nível da Pirâmide de Maslow. O motivo que você veio ao mundo é tão importante que pouquíssimas pessoas descobrem o seu real motivo e passam a vida inteira procurando por esse motivo. A realização pessoal é um prazer que está distante da maioria das pessoas. Mas está próximo de você que está lendo isto aqui…

O que é realização pessoal para você?

No passado, grandes pessoas surgiam para moldar o mundo. Pessoas como Nelson Mandela. Mas aqui vem o mais incrível: você, da forma que vive hoje, possui a possibilidade de subir de nível e atingir o máximo da sua realização pessoal. Se você tem comida, abrigo, amigos e auto respeito, então o próximo passo é a auto realização, o nível supremo da Pirâmide de Maslow.

E por que você iria querer isso?

Porque, como Abraham Maslow bem citou (e sua teoria ainda não conseguiu ser refutada mesmo depois de 32 anos): “todos os indivíduos têm necessidades de acordo com os níveis da pirâmide e, quando saciam completamente um nível, procuram o próximo”. Atingir o último nível significa ter sua saciedade completa.

Significa se sentir completo.

Significa que você não irá mais “sacrificar o próximo nível”, porque este não existe. Quando você atinge o nível de autorrealização, suas ações entram no automático e você passa a emanar luz e a atrair energias positivas para a sua vida e daqueles ao seu redor. E como fazer isso de forma simples e eficaz?

Não existe tal forma simples e eficaz.

Aliás, a Pirâmide de Maslow é um tópico complexo e paradoxal também. Entendo que, se você leu até aqui pela primeira vez, é bem provável que esteja confuso. Isso acontece porque você precisa entender sobre a Pirâmide de Maslow antes de entender sobre a pirâmide maslow. Confuso, né? Como cada nível atual depende do nível posterior, você precisará entender todos os níveis antes de começar a compreender cada um.

Em resumo, é importante ler de novo para remover suas dúvidas.

Se você se sentir seguro quanto ao seu entendimento, sugiro que pare um minuto e reflita (ou resuma) sobre o que aprendeu. No próximo tópico, vou te falar na prática como usar a Pirâmide de Maslow para ajudar no seu autoconhecimento e, consequentemente, em todas as fases da sua vida.

Usando a Pirâmide de Maslow Para Autoconhecimento em 5 Passos

Você sabe quem é você lá no fundo?

Agora vou te dar cinco passos simples para avançar em sua evolução rumo a preencher as suas necessidades hierárquicas relacionadas à Pirâmide de Maslow. Por mais simples que sejam os passos, peço que siga-os atentamente para fixar melhor o que aprendeu e, principalmente, para conseguir aplicar na sua vida. 

1. Identifique Suas Necessidades Fisiológicas

Tá com fome?

Comece se perguntando se você tem fome ou sede para preencher sua Pirâmide de Maslow. Quando falo “fome ou sede”, pergunto se você tem o suficiente para se manter vivo. O nível de necessidades fisiológicas é simples assim. Você tem esse nível preenchido? Se não tem, a solução é se colocar em risco em busca de recursos. Isso pode significar não se importar com trabalho insalubre, por exemplo. 

Ou trabalhar demais (mesmo!)

2. Perceba Suas Necessidades de Segurança

Você será atacado hoje?

Existe segurança onde você vive e dorme? A necessidade de segurança são a segunda das necessidades básicas da Pirâmide de Maslow. Atingir o patamar de completude desta necessidade significa que você não tem medo de ser atacado (seja em casa ou na rua). É até chato falar isso, mas no Brasil até é preciso mudar de bairro (ou cidade) para completar esse nível.

Ou parar de assistir o jornal (sério). PP

Sabia que a sua realidade é moldada pela forma como sua mente atrai as coisas ao seu redor? Se você só assiste jornais cheios de notícias ruins, então sua vida será rodeada de negatividades e coisas terríveis. Não importa o quão segura seja a cidade que você vive se você continua consumindo porcarias. 

Para melhorar esse nível, você precisa reduzir seu padrão social.

3. Aprofunde Seus Relacionamentos Sociais

Que tal um churrasco em casa?

Depois que nos sentimos, realmente, seguros, é hora de partir para o lado social. Ter amigos, familiares, cônjuges e pessoas com as quais possamos ter o sentimento de pertencimento é importante na Pirâmide de Maslow. Para solucionar este nível, é comum negligenciarmos nossas próprias vontades em prol do(s) outro(s).

4. Entenda Mais Sobre Você Mesmo

E serás liberto.

Quando você se conhece, você se liberta. Neste nível você passa a exigir relacionamentos mais respeitosos e a se sentir mais confiante e livre para fazer o que bem precisa para atingir seus objetivos e se sentir bem. Para solucionar este nível, você normalmente abdica de sua verdadeira paixão (ou missão de vida).

5. Expanda Sua Missão 

Mas quando você consegue entender quem é…

então nada mais pode te parar. Você agora é dono do seu próprio destino e seu autoconhecimento é responsável por transformar você somente naquilo que você deveria se transformar. Você agora é dono da sua própria verdade e espalha o bem para todos aqueles que se aproximam. Sua empatia e respeito ao próximo estão em níveis incríveis.

Você se tornou quem nasceu para se tornar.

Missão é o que move uma pessoa além de todos os outros níveis da hierarquia de Maslow. Por exemplo, aqui no Alô Evolução a minha missão é te ajudar a não passar por todos os problemas e sofrimentos que passei. É te ajudar a ser alguém mais íntegro, seguro e firme para seguir seu futuro com mais responsabilidade e menos ansiedade. Aqui, no Alô Evolução, a minha missão é te ajudar.

Você só precisa colocar seu aqui e aceitar.


Caio Vinicius

Analista de TI. Apaixonado por Desenvolvimento Pessoal, livros, psicologia e comportamento humano. Viciado em aprender. Acredito que conhecimento seguido de ações é o único caminho para transformar a sua vida.

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *