O que é foco? O segredo para conquistar o que quiser

Talvez você queira saber o que é foco porque precisa fazer algo importante, mas, está com dificuldades para começar ou avançar com isso.

Por exemplo, nesse momento, estou com meus fones de ouvido, esqueci que tenho um celular e fechei todas as abas de internet. Assim, estou com toda minha atenção voltada para escrever.

Isso porque, posso terminar este artigo em 3 ou 4 horas ou posso levar 2 dias inteiros para concluir. Tudo vai depender de quão focado estou.

O foco é fundamental para qualquer tarefa que você queira realizar bem e com mais eficiência.

Portanto, falaremos um pouco sobre o que é foco, qual a sua importância e como você pode melhorar sua capacidade de se concentrar em qualquer tarefa que faça.

O que é foco?

O que é foco ?

A palavra foco pode ter alguns sentidos, no entanto, todos eles giram em torno do estado de clareza, um ponto de encontro, um centro de interesse ou atividade.

Em nosso caso, estamos falando sobre o foco mental. Ou seja, a sua capacidade de concentrar e direcionar atenção e energia para realizar algo.

Sendo assim, a própria definição sobre o que é foco, sugere que você está em uma posição de escolha.

Dessa maneira, você é responsável por escolher o que é importante e merece sua energia e atenção. Mas vamos com calma, isso não quer dizer que é fácil.

Pelo contrário, vivemos em um mundo caótico e a maioria de nós não tem ideia do que é estar focado. Isso porque, todos os dias, somos bombardeados por e-mails, telefonemas e mensagens de texto.

Distrações e interrupções que roubam atenção e nos fazem esquecer o que é foco.

Pense sobre a última vez que trabalhou em uma tarefa ou projeto importante. No qual, esteve tão envolvido que se esqueceu de comer e dormir nesse dia ou período. Além disso, você evitou ou ignorou as pessoas a sua volta durante um tempo..

Isso é FOCO!

Como funciona o foco

Como funciona o foco

Antes de mais nada, vamos a algumas definições:

  • Atenção: sua capacidade de responder a estímulos internos e externos. A atenção pode ser focada ou dividida.
  • Foco: sua capacidade de escolher onde deseja colocar sua atenção. Assim, estar focado é realizar bem, UMA tarefa por vez.
  • Concentração: sua capacidade de manter o foco por mais tempo em alguma atividade.

Dessa maneira, a atenção (e assim, o foco) podem ser aplicados por você de duas formas: automática ou intencional.

Atenção automática dura apenas de 8 a 12 segundos e, por exemplo, ajuda você a detectar potenciais perigos à sua volta. Ativada por ouvir, sentir o cheiro, ver ou perceber alguma mudança dentro e fora de você.

Assim, um barulho, luzes, ansiedade, medo ou uma dor de cabeça podem roubar sua atenção sem que você perceba. Piora se você pensar que tem um celular para sequestrar sua atenção o tempo todo.

Por outro lado, temos também a atenção intencional. Ou seja, quando você escolhe colocar atenção, de forma consciente, em algo que quer. Sua duração costuma ser de apenas 10 minutos.

Quase não dá para ler este artigo. Agora imagine para terminar aquele TCC ou relatório importante do trabalho.

Mas, a boa notícia é que com algum esforço, você pode aumentar a duração da sua atenção intencional.

Como fazer isso ?

Antes de mais nada, a tarefa precisa ser importante e atraente o bastante, para que você mantenha o foco por um longo tempo. Mas, você não precisa ser um super-herói para conseguir.

Basta que você sinta-se confortável para ficar na mesma posição. Com clareza mental para seguir os planos. Em um local onde você não seja incomodado.

Posso falar sobre todos os truques e dicas para que melhore seu foco. No entanto, sem que você reserve um tempo para treinar sua concentração, de nada adiantará.

Então, quero propor um breve exercício:

Pense em alguma coisa que tenha para fazer e que leve de 15 a 30 minutos para ser feito. Por esse tempo, sente-se e apenas trabalhe nessa tarefa. Não pense em mais nada enquanto estiver fazendo.

Deixe-me adivinhar:

  • Toda hora, sua mente tenta levar você a fazer e pensar em outras coisas ?
  • Um desânimo para começar a tarefa tomou conta de você ?

Isto é mais do que normal. É preciso superar a dor inicial de forçar sua mente a pensar e fazer uma única coisa por vez.

Essa é a chave, perceber que o desconforto é temporário e vai passar.

Por que você não consegue se concentrar?

Por que você não consegue se concentrar?

Antes de começar a investir tempo, esforço e até dinheiro (aplicativos de produtividade, quem nunca ?) para tentar resolver o problema, reserve um tempo para identificar o que atrapalha você.

Preciso alertar que nem sempre é um processo rápido. Mas, garanto que vale cada segundo que você investe.

Principais dificuldades

Em resumo, dois principais problemas podem impedir você de entrar em modo focado e se manter nele:

Ameaças a sua “atenção automática”: qualquer coisa que sua mente possa entender como possível perigo. Você pode perceber esse tipo de estímulo através de luzes, sons, cheiros ou qualquer coisa que apareça de surpresa.

Ameaças a sua “atenção intencional”: qualquer coisa que atrapalhe sua capacidade de se concentrar por mais de 10 minutos em alguma coisa. Assim, como esse tipo de atenção precisa de interesse e conforto para ser mantida, qualquer coisa que incomode você, pode tirar seu foco do que é importante.

Por exemplo, uma dor no pescoço, tédio ou falta de motivação que leva você a procrastinar e buscar distrações.

Como melhorar seu foco

Como melhorar seu foco

A melhor forma que encontrei para identificar e corrigir problemas com meu foco foi através de um registro de distrações.

Não é nada de outro mundo. Tudo o que você tem que fazer, é anotar toda vez que alguma coisa desviar você do que deveria estar fazendo.

Então, sempre que se distrair de sua tarefa, pare e tente encontrar a causa.

É algo que aconteceu em seu ambiente ? É alguma coisa que você está sentindo ? Ou quem sabe pensamentos e emoções ?

No mínimo, recomendo que anote a tarefa que estava fazendo, o tempo, o motivo e a causa da distração.

Modelo de registro:

  • Atividade: organizar agenda da semana;
  • Local: escritório (em casa);
  • Horário: 09:00 horas;
  • Razão da distração: notificação do whatsapp;
  • Causa da distração: ansiedade para saber quem é;
  • Tipo de estímulo: mental.

O objetivo desse exercício é identificar de onde vem suas distrações. Elas podem vir de seu ambiente, seu corpo ou mente.

Por exemplo, vamos supor que você esteja preocupado por estar atrasado para o trabalho. Assim, a ansiedade rouba seu foco (distração mental). No entanto, o motivo para seu atraso é porque não encontrava as chaves do carro (distração em seu ambiente).

Assim, o motivo da sua distração é a ansiedade (mente), mas a causa é o fato de que, sua casa está uma bagunça (ambiente).

Ao olhar para suas distrações dessa forma, pode identificar suas dificuldades e mudar o que não funciona para você.

Comece a treinar seu foco

Agora que já sabe o que é foco e como ele é importante, para que possa realizar tudo o que deseja em sua vida. Comece a mapear de onde aparecem suas distrações. Pegue uma agenda ou um aplicativo e comece hoje mesmo seu registro de distrações.

Com dados de apenas uma semana, você já consegue começar a treinar seu foco.

Espero que este artigo ajude você a dar mais um passo em sua jornada de evolução. Se você gostou, compartilhe com as pessoas que ama e se importa.

E você ? O que tem feito para melhorar o seu foco?

Fique Atualizado!

Receba diretamente em seu e-mail, artigos completos de alta qualidade e valor com objetivo de fornecer a você ferramentas e dicas para acelerar sua evolução diariamente.

Sem Spam! Enviamos apenas conteúdo de alta qualidade para impulsionar sua evolução.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *