Fazer o Bem Sem Olhar a Quem – Motivação Diária

Fazer o bem sem olhar a quem é algo necessário para que você ative a sincronicidade da lei da atração e possa atingir os seus próprios objetivos.

Eu sei, talvez não seja tão fácil para você. Afinal, nós somos humanos e estamos aqui apenas para Evoluir na nossa própria experiência e nos tornarmos pessoas melhores do que fomos ontem.

Neste artigo você irá aprender os benefícios de quem deseja fazer o bem sem olhar a quem.

E aprenderá também o quanto isso é importante na motivação.

Fazer o Bem Sem Olhar a Quem Vale à Pena? (Lei do Retorno)

Fazer o bem sem olhar a quem é mais uma mentalidade do que uma ação.
Fazer o bem sem olhar a quem é mais uma mentalidade do que uma ação.

Sim e não.

Posso dizer que fazer o bem sem olhar a quem vale à pena pelo simples fato de que você irá retornar a mesma energia para você. Entenda, talvez você nem faça por mal, mas nossa mente acaba se ocupando em tentar se defender de um inimigo que não existe.

E é comum que nós coloquemos esse inimigo no outro. Muitas vezes, fazer o bem sem olhar a quem é nos ajudar. É enxergar no outro um defeito em nós mesmos que não queremos assumir, mas ele está lá.

Nós costumamos projetar nossa imagem.


Se ficamos tristes ou chateados com alguma ação que costumamos tomar, é normal que projetemos essas ações em outras pessoas. É o caso de uma pessoa desorganizada que não tolera desorganização e acaba brigando com os outros.

Você lembra de quando era menor e que fazia isso? Se você se esforçar, talvez lembre de ter apontado o dedo para alguém. Quem sabe tenha sido mais recente com um parceiro de trabalho que “roubou” uma venda sua?

Alguém “inferior”, chamamos..

E, falando em inferior, dá uma olhada nesse vídeo antes de continuar.


Gentileza gera gentileza - Boas vibes
Watch this video on YouTube.

Fazer o bem sem olhar a quem é assumir seus próprios defeitos mas, principalmente, respeitar que o outro também está em processo de Evolução e que deve ser respeitado.

Fazer o bem sem olhar a quem é entender que não existem pessoas inferiores, talvez apenas pessoas com dores maiores que as suas. Mas ainda mais importante é entender que, se você não cultiva o bem ao seu redor, então você cultiva o mal.

E o mal é intenção, é energia, é retorno.


Não entenda como “forças das trevas” ou similar, mas lembre do seu eu criança. Quando, por exemplo, talvez você tenha lançado risadas para outra criança que ainda não tivesse aprendido a andar de bicicleta (mesmo que você também não soubesse).

Esse é o nosso ego, uma grande força que faz com que tentemos ser sempre o melhor. Na verdade, não é ser, é parecer. Fazer o bem sem olhar a quem significa abdicar disso. Significa não esperar retorno, mas ajudar os outros.

E é por isso que a resposta é sim e não.


Por um lado, a resposta é sim por ter relação com seu próprio desenvolvimento e percepção do seu ego. Fazer o bem sem olhar a quem é sim olhar a quem: a você mesmo.

Se você não faz o bem, a lei do retorno e da atração não funcionará adequadamente para você. E, por outro lado, a resposta também é ‘não’ porque você precisa abdicar da necessidade de se provar superior.

O bem só é feito quando não se pede nada em troca. 

Como Fazer o Bem Sem Olhar a Quem Estando Para Baixo?

Mesmo sem energia, é possível fazer o bem sem olhar a quem?
Mesmo sem energia, é possível fazer o bem sem olhar a quem?

Tristeza gera felicidade?

Sim, pode gerar. Um grande exemplo de como fazer o bem sem olhar a quem é dos profissionais da saúde. Eles aprendem a entender a própria missão de vida que existe em suas profissões.

Um enfermeiro, psicólogo ou médico lutarão, com todas as forças, para ajudar seus pacientes a se sentirem melhor. Isso não significa que eles estejam bem por dentro. Mas eles possuem uma reserva de energia.


“Eu não posso fraquejar diante de uma pessoa fraca”.

E tudo bem, você pode sim ter seus momentos um pouco para baixo, mas é importante saber que você pode ajudar os outros a atingirem estados de felicidade mesmo estando para baixo.

E o melhor de tudo é que fazer o bem sem olhar a quem acaba voltando para você. A faísca da felicidade do outro reverbera e contagia a todos que entram em contato com ela.


Sim, fazer o bem sem olhar a quem contagia.

É a energia de poder respeitar a alma de outra pessoa e lidar com isso de forma calma e tranquila. fazer o bem sem olhar a quem pode te ajudar a curar seu próprio estado.

Talvez você lembre de algum momento em que, mesmo para baixo, tenha conseguido ajudar alguém. Como se sentiu? Como se desenvolveu a partir daí? A tristeza continuou? Passou?

Pode até ser usado como terapia ou técnica de venda.


Mas posso te dar uma dica para fazer o bem sem olhar a quem estando para baixo. O primeiro passo é pensar no outro, pensar em como a sua energia pode contagiar. E isso significa, sem querer, fazer o mal.

Prejudicar o estado do outro. Por outro lado, você pode também pensar em como uma interação positiva pode ajudar aos dois a se sentirem bem depois. Você sabia que, estando para baixo, uma dica para melhorar é simplesmente olhar para cima? 

É, nossa mente funciona com certos padrões.


Quando acessamos nosso lado emocional interior acabamos, de forma inconsciente, olhando para baixo. Por isso expressões como “cabisbaixo” ou “estar para baixo”.

Então guarde essa dica: sempre que você estiver para baixo e precisar fazer o bem sem olhar a quem, eleve sua cabeça e fique em posição ereta de forma a conseguir ajudar o outro. E até a si mesmo.

Por fim, vou te deixar com um desafio diário.

Fazer o Bem Sem Olhar a Quem (Desafio Diário)

Você consegue fazer o bem ao outro?
Você consegue fazer o bem ao outro?

Isso pode te matar.

Se você vive a sua vida como se o outro ao lado não importasse, então você acaba acumulando muita energia negativa na sua própria vida.

E isso costuma ter uma manifestação fisiológica. Dor de cabeça, pressão alta, depressão. Tudo isso é a forma do nosso corpo reagir ao modo como você faz o bem ao outro (ou não). Por isso, quero te propor um desafio diário.


É bem simples na verdade.

Durante os próximos 7 dias, procure fazer uma simples boa ação. Pode ser qualquer ação, mas durante o dia nós encontramos muitas oportunidades.

Seja ajudar alguém segurando uma pasta enquanto ela procura algo na bolsa. Ou seja comprando um simples almoço para um morador de rua. Cada ação de fazer o bem sem olhar a quem acaba trazendo mais energia positiva para você.


E sabe o que é melhor?

Tudo isso é viciante, é contagiante, é divertido e prazeroso como os relacionamentos pessoais. Tudo bem, pode parecer exagerado, mas teorias como a pirâmide de maslow são muito bem fundamentadas em percepções científicas das motivações humanas.

E adivinha só? fazer o bem sem olhar a quem é uma das motivações mais fortes da pirâmide de maslow. É algo que está bem profundo no nosso DNA e que todos temos acesso facilmente.

E você não precisa ser a Madre Tereza.


Você só precisa ser você. Ter empatia e entender a realidade do outro. Inteligência emocional significa perceber que você tem sentimentos assim como os outros ao seu redor também têm.

Se você puder entender e gerenciar seus sentimentos, terá o poder de entender e gerenciar os sentimentos do outro. E não falo em manipulação, mas sobre empatia mesmo.

Empatia de entender e, portanto, agir sobre a realidade.


Muitas das chateações que temos são apenas percepções de como gostaríamos que fosse a realidade.

Então não adianta fazer o bem sem olhar a quem se você quer que as coisas aconteçam unicamente como você acha que deveriam acontecer. A vida é feita de boas ações vindas de diversas direções. É uma forma de evoluir mais naturalmente.

Então faça o bem.


E relaxe. Mesmo que seus motivos sejam egoístas e você queira somente se sentir bem por fazê-lo, tá tudo bem. É normal tomar gosto e até viciar em fazer o bem sem olhar a quem.

Como falei em outro momento, é uma das maiores motivações da pirâmide de maslow. Isso significa que pessoas altruístas também procuram a própria sensação de felicidade quando ajudam os outros.

E aqui voltamos ao nosso desafio…


Já parou para pensar o quanto que isso pode impactar na sua vida? Quantas boas ações você faz por dia? Por semana? E por ano?

Repito que não precisam ser grandiosas ações que todo mundo vai notar, mas apenas simples percepções de como você deseja que seja a vida das outras pessoas. E, claro, é importante que essa projeção seja positiva para essas pessoas.

O que você pensa e projeta, você acaba atraindo.


Então atraia coisas boas e comece a fazer o bem sem olhar a quem. Pouco a pouco você vai construindo uma nova forma de manifestar a sua essência. fazer o bem sem olhar a quem é mais do que apenas boa vontade e altruísmo, é também Evolução pessoal.

É alcançar seus máximos potenciais sem deixar que um mal humor vá te atrapalhar. 

E isso é uma das missões do Alô, Evolução!

Eu sinceramente desejo e espero que esse artigo possa ajudá-lo de alguma forma. Fique à vontade para compartilhar suas experiências e colocar ainda mais valor nesse debate. 

Meu muito obrigado (assista o vídeo-presente abaixo antes de ir).


Gentileza gera Gentileza - Passe essa ideia!
Watch this video on YouTube.

2 comentários em “Fazer o Bem Sem Olhar a Quem – Motivação Diária”

  1. Andrea, obrigado você por acompanhar nosso site e nos presentear com esse comentário. Para nós, faz toda a diferença saber que nosso trabalho diário tem ajudado as pessoas a refletir melhor sobre algumas questões da vida…
    O seu comentário nos fornece gás para trazer ainda mais conteúdos de qualidade… obrigado…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *