fbpx

Melhorar a Memória Dormindo e Com Ócio Criativo

Melhorar a memória é simples com estes passos.

Dormindo e Decorando!

Já pensou em como melhorar a memória enquanto dorme? Na verdade, este não é um estudo muito novo, mas está sendo cada vez mais validado e demonstra que dormir melhora a sua memória. O primeiro passo é entender que sua memória, enquanto acordado, tem um limite.

Ouça a Versão em Áudio Deste Artigo

Não adianta estudar 18 horas no dia antes da prova.

Você precisa de tempo para “digerir” o que aprende ao longo do dia e dormir é um dos remédios mais eficazes. Basta você estudar uma horinha por dia ou testar algo novo todos os dias. Então seu desempenho será muito melhor do que quem faz isto apenas uma vez por semana. É questão de solidificar a memória, afirma Sidarta Ribeiro nos estudos sobre melhorar a memória na aprendizagem escolar do Instituto do Cérebro.

Bom cochilo e bom aprendizado!

Mas existem outros estudos que vão totalmente contra os hábitos da maioria das pessoas. Esses estudos indicam que você precisa, na verdade, ter tempos livres ao longo do dia para poder solidificar a sua memória mesmo acordado. É como se o tempo parado (ócio criativo) ajudasse você a decorar enquanto estiver acordado.

Para isso, basta apenas ter tempo livre.

E isso significa largar as redes sociais ou qualquer outra atividade. Na verdade, pode parecer até contra intuitivo e, certamente, bastante estranho, mas você precisa de tempo para pausar. A ciência vem descobrindo que nosso cérebro é como uma máquina que trabalha em alta temperatura. Vez ou outra ela precisa parar e esfriar um pouco para continuar operando.

Isso se você quiser ter bom aprendizado.

E como combinar isso, exatamente, durante o nosso dia a dia corrido? Não é fácil, mas é super simples. Certamente você já ouviu falar de meditação. E, se não ouviu, confere este artigo de meditação para iniciantes e você vai entender o quão importante é a meditação para a sua vida. Mas pensando em como melhorar a memória: a meditação é incrível.

Desligar” sua mente, na verdade, liga sua mente.

É como uma pausa no trabalho que você dá e recarrega suas energias. Se você tiver o simples hábito de meditar algumas poucas vezes ao dia, será suficiente.  Apenas 5 minutos e você terá espaços vazios que ajudarão sua mente a processar as informações que absorveu nas últimas horas. Você realmente não precisa virar um gurú de meditação, mas precisa começar.

E se você não quiser meditar?

Bem, sempre há outras opções. Em outro tópico vou te explicar como que você pode usar simples revisões para melhorar a memória ou mesmo o quanto que as redes sociais estão destruindo o seu poder natural de absorver informações. Por enquanto, que tal tentar absorver o conteúdo desse vídeo abaixo? Uma dica: concentre-se e se livre das redes sociais enquanto assiste:

O que realmente é meditar? Como a mente humana funciona? | Monja Coen | Zen Budismo
Watch this video on YouTube.

Como Melhorar a Memória Com Revisões

Não deixe suas memórias se perderem no tempo.

Dica Suprema Para Concurso!

Se você pensa em fazer concurso (ou ENEM) ou mesmo estudar para uma prova muito difícil, esse é o melhor método de como melhorar a memória sem uso de drogas. Falo sério. Esse método é tão potente que vai transformar você numa máquina ambulante que lembra de tudo que faz. Porém, esse método de como melhorar a memória tem um custo.

Você está disposto a pagar?

Então vamos lá: para melhorar a memória você precisará reforçar a memória. Sabe o que isso significa? Sim, “de certa forma”, é somente repetição. Mas você fará isso de forma inteligente usando a curva do esquecimento de Ebbinghaus. Essa curva do esquecimento mostra quando (e quanto) nós esquecemos do que tentamos aprender. Sua solução é direta: revisar o conteúdo nos momentos que “esqueceria”.

Revise em 1 dia, 1 semana e 1 mês depois.

Resolvido.

A curva do esquecimento de Ebbinghaus foi um estudo bastante extenso que percebeu os efeitos da perda de memória em cérebros saudáveis. Isso significa que, não importa sua idade ou condições físicas ou mentais: você irá esquecer do que aprendeu. Então usar revisões em momentos apropriados irá tonificar o seu aprendizado.

Melhorar a memória exige esforço.

Isso significa que não basta apenas tomar pílulas mágicas. Na verdade, existem métodos alternativos (e perigosos). O vídeo que te deixo abaixo é sobre Nootrópicos, especialmente a Ritalina. Apesar de muitos concurseiros usarem métodos similares, os efeitos colaterais podem ser extremamente prejudiciais e acabam destruindo sua saúde (ou sua vida).

Ritalina sem prescrição | Drauzio Comenta #14
Watch this video on YouTube.

Você já usou Nootrópicos? Se sim, comenta abaixo os seus efeitos e resultados. É importante perceber que nosso corpo já é completo e perfeito para criar bombas de hormônios e neurotransmissores que nos ajudam a melhorar a memória. Ter inteligência intrapessoal ajudará muito na consolidação de memórias tendo em vista que o estresse prejudica a formação de novas memórias.

Melhorar a memória estando estressado é… complicado.

Então por mais que seja difícil dar esse conselho, essa é a verdade. Se você continuar tendo ataques de ansiedade ou estresse o tempo todo, suas memórias terão dificuldade em se consolidar mesmo usando o método das revisões nas curvas de esquecimento de Ebbinghaus. A melhor maneira de como melhorar a memória é, simplesmente, mantendo-se saudável.

E vou te dar dicas rápidas… em outro tópico.

Vou te falar, no próximo tópico, sobre como usar uma boa alimentação, exercícios e mentalidade assertivas para conseguir extrair o máximo da sua memória e criar mais associações entre o que você aprende e o que você quer aprender (esse é um segredo natural dos grandes mestres da memória).

Continue e aprenderá tudo isso.

Dicas Rápidas Para Melhorar a Memória

Agilizando o treinamento mental!

Com estas dicas rápidas, você poderá sair daqui com uma memória turbinada. Na verdade, não exatamente isso, mas você vai aprender como guardar todas as novas memórias que tiver, seja o nome de alguém ou a apresentação inteira que você fará no trabalho (mesmo que falte o Power Point).

Exercite a Mente

Seu cérebro é como um músculo.

Isso quer dizer que, por mais que você queira melhorar a memória, de nada adianta se você nunca usar a sua memória. Parece meio óbvio, mas há quanto você não estuda algo novo ou precisou aprender algo que, realmente, exija esforço mental? Qual data você irá me responder?

Se você é estudante, ótimo.

E falo estudante não no sentido de educação formal, mas de “pessoa que estuda”. Se você se desafia diariamente, então já está no caminho certo para como melhorar a memória. Basta continuar com dedicação e se desafiar. Se você não exercitar sua capacidade, então sua memória ficará falha. Lembre-se: seu corpo é focado em economizar energia.

E seu cérebro gasta muuuita energia!

Exercite o Corpo

Sua mente precisa de um equilíbrio bastante preciso de químicos. Uma das formas mais simples de conseguir gerar este equilíbrio é através dos exercícios físicos. Pode parecer estranho, mas quem está feliz tem maior chance de consolidar memórias, principalmente por conta da motivação envolvida na atividade. BB

Lado emocional estiver ruim, memória ruim.

Alimente-se Bem

O interessante sobre a memória é que não é uma peça solitária do quebra cabeças. É, na verdade, parte de um complexo conjunto de engrenagens que funcionam juntas para gerar a máquina perfeita: sua mente e corpo. Preciso citar isso aqui (e deixar um vídeo para você). Se sua alimentação for de péssima qualidade, você terá uma memória de péssima qualidade. 

Turbine sua memória com esses 6 alimentos! | Dr. Dayan Siebra
Watch this video on YouTube.

Use Associações

Uau! Isto aqui é uma pérola rara!

Nossa mente funciona através de associações. Por exemplo, você sabe quem é Rosinha? Imediatamente, ao fazer esta pergunta, seu cérebro começa a fazer uma varredura e começa a entender mais sobre Rosinha. Você, provavelmente, imagina que Rosinha é uma mulher e que eu conheço ela. Além disso, você imagina que ela é importante para algo que vou falar em seguida.

E qual a importância disso para melhorar a memória?

É que você pode usar ao seu favor. A Barbara Oakley (vídeo gigante abaixo) explica que basta ter analogias bem colocadas que você conseguirá consolidar sua memória. Ela chama de “chunking”, que podemos traduzir como “agrupamento” o fenômeno onde juntamos várias memórias e criamos associações para fortalecer cada uma individualmente. Isso significa, durante seu aprendizado, usar o máximo de analogias, histórias, gráficos e aplicações possíveis.

Learning How To Learn, com Barbara Oakley (Parte 1/2)
Watch this video on YouTube.

E, por fim, a melhor dica de todas.

Conheça a Ti Mesmo

Todas as dicas foram ótimas, mas você sabe dizer o que é “ótimo para você”? Cada pessoa é única e precisa, de verdade, descobrir o que se passa dentro da própria essência. Se você não se conhece, então por mais incríveis e validadas pela ciência sejam essas dicas que te dei, você não saberá usar. Ter autoconhecimento significa se libertar e se adaptar.

E é isso que te ofereço no Alô, Evolução.

Se você quiser mergulhar numa incrível jornada interna de autoconhecimento, então te convido para, gratuitamente, participar dos meus cursos por email onde você poderá desenvolver suas habilidades e encontrar o melhor que existe em você com calma e respeito à sua própria velocidade.


Caio Vinicius

Analista de TI. Apaixonado por Desenvolvimento Pessoal, livros, psicologia e comportamento humano. Viciado em aprender. Acredito que conhecimento seguido de ações é o único caminho para transformar a sua vida.

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *